• Ícone cinza LinkedIn
  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube

Melhore o desempenho da sua empresa recebendo dicas exclusivas diretamente em seu e-mail.

Você foi cadastrado. Por favor, verifique a sua caixa de entrada.

  • Diego Marconatto, PhD

Um negócio não é um emprego com CNPJ


trabalho demais sem resultado

Você já deve ter visto vários exemplos de ótimos profissionais que, ao abrir um negócio, ficam estagnados por anos ou décadas. Padeiros, cabeleireiros, engenheiros, eletricistas… A lista não tem fim.

São pessoas que, embora sejam tecnicamente excelentes, trabalham duro — às vezes, 14 horas por dia, 6 ou 7 dias por semana —, mas não conseguem sair do lugar. Permanecem estagnadas, repetindo por anos ou décadas um rotina excruciante de trabalho pesado, sempre lutando contra os mesmos problemas e produzindo lucros nulos ou insatisfatórios.

Enquanto isso, há o caso daquelas pessoas que, às vezes, mesmo não sendo as maiores entendedoras dos produtos ou dos serviços que vendem, fazem seus negócios crescerem e expandirem rapidamente, atingindo uma alta lucratividade.

E ainda existem aqueles empreendedores os quais criam negócios muito diferentes entre si e que sempre produzem grandes lucros em todos eles.

A diferença entre esses casos é clara:

Os primeiros entendem do que executam, da sua profissão, da sua atividade, dos seus produtos e serviços. É o padeiro que faz o melhor pão do mundo, mas que, há 30 anos, acorda todos os dias da semana às 04h da manhã para trabalhar e que nunca vê seu negócio crescer. Ele entende de pão.

No outro caso, os empreendedores de sucesso sabem algo mais importante: eles entendem de negócios e da lógica fundamental que regula o seu funcionamento e a sua produção de lucros. Eles podem até não ser os melhores executores, fazedores (e, na maioria das vezes, não são mesmo); eles podem não ter os melhores produtos e serviços. Mas eles têm os melhores mecanismos de produção de lucros.

Esses empreendedores cruzaram a ponte que separa um emprego com CNPJ de um negócio de verdade.



Deixe um comentário, a casa é sua.